quinta-feira, outubro 30, 2014

Dilma virou o jogo com quase 90% dos votos apurados.












por Carolina Brígido (G1 - Globo.com)

Para quem gosta de fábulas, estatísticas, pesquisas eleitoras e outras mentiras, surpreenda-se também lendo


O TSE e a descoberta do programa de fraude nas urnas eletrônicas.


Um gráfico digno de figurar entre as grandes fábulas da história




* Essa postagem foi feita em 27/10/2014 às 16:55hs

BRASÍLIA - Enquanto o Brasil inteiro esperava ansioso dar 20h para saber quem estava na frente na apuração dos votos para presidente da República, cerca de 30 privilegiados acompanhavam a apuração voto a voto desde as 17h, em duas salas do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Eram técnicos de informática do tribunal, responsáveis por checar a regularidade da totalização. O candidato do PSDB, Aécio Neves, largou na frente. A virada foi registrada às 19:32:03, quando estavam somados 88,9% do votos.

Nesse horário, a presidente Dilma Rousseff (PT) atingiu 47.312.422 votos, ou 50,05% do total apurado até então. Aécio ficou para trás de forma irreversível. Tinha 47.224.291 votos, ou 49,95% do total. Embora o momento tenha sido emocionante, nenhum dos presentes comemorou ou demonstrou tristeza. Afinal, estavam todos a trabalho. A vitória inicial e fugaz do tucano ocorreu porque a apuração começou com as urnas do Sul e do Sudeste, onde ele tem maioria de votos.

— Deu uma angústia ver o desenrolar das coisas e não poder compartilhar com ninguém — lembra o secretário de Tecnologia da Informação do tribunal, Giuseppe Janino, que chefiava o grupo. — Para quem viu, foi uma disputa bem emocionante.

Continue lendo:


E para quem realmente acredita que fábulas se transformam em realidade, vai abaixo um resumo publicado no blog Por traz da mídia internacional, que traz um resumo de uma zona eleitoral em Vitória (primeiro turno) e, misteriosamente Nada bate com Nada.



Nenhum comentário: